celebrar uma capicua

30.4.15

No outro dia, vinte e quatro de abril, celebrei a minha segunda capicua, ou seja, os meus vinte e dois anos. Decidi fazer uma pequenina festa, mas quanto mais velha fico, mais reticente fico com isto de convidar pessoas para celebrarem algo que é tão pessoal. Mais um ano da minha vida. Mais alguns desafios realizados, mais amigos, menos amigos, mais conhecimento, mais experiência, mais felicidade. Mas fico sempre, e se ninguém vier? E acabo por não me aventurar por nada e fico pelo café aqui e ali. Este ano, enchi-me de coragem e convidei todas as pessoas que julgo fazerem parte de mim e dos meus amigos. Aqueles com quem conto, a quem telefono, com quem gosto de sair e conversar. Os amigos do sábado à noite, as minhas irmãs, os meus pais, as colegas da escola, as primas... e correu muitíssimo bem! Veio quase toda a gente e tirei muitas fotografias. Como os fui convencendo com o bolo, eu e o meu caprichámos na receita e na decoração! Para o ano, vamos todos à praia! Ah e a mesa foi-se enchendo de sobremesas que muita gente trouxe! 

o luís trouxe-me uma flor.

29.4.15

só uma, como eu gosto. 

sol com flores e flores com sol

28.4.15

17/52 weeks

27.4.15

a semana do meu aniversário, com a ajuda do luís.

16/52 weeks

26.4.15

A semana passada foi difícil. Não me contentei nem gostei de nenhuma fotografia, tirei várias, fiz imensas experiências, mas estava muito picuinhas. Fase de adaptação ao cabelo azul e a minha mãe personalizou o meu camera strap. Estou totalmente apaixonada e super vaidosa. O tecido veio do Brasil, com a minha tia. E toda a gente já sabe: adoro chá! Lembra-me lanches em famílias.

take you out... or something.

20.4.15


Hoje trago-vos mais um vídeo e desta vez tive a oportunidade de experimentar algo diferente. Aliás, eu e o Luís experimentámos algo diferente e eu gostei bastante do resultado final. Como sabem tenho pensado bastante em alternativas & complementos aqui para o blog e isso passa muito por vídeo e vblogs. Verdade seja dita, até já tive uma ideia (falta-me o tempo para trabalhar a sério nela) e convidei o Luís para participar comigo. Enquanto o projecto avança e não avança, aproveitámos um dia de sol para filmar um pouco e ver como trabalhamos juntos. Que acham?

party ideas: porque esta semana é o meu aniversário

19.4.15


Esta semana (na sexta-feira) faço anos e por isso decidi reunir as pessoas que gosto mais para uma fatia de bolo & conversas animadas. Como é óbvio, eu gostaria de ter fotografias deste momento (o ano passado não tirei quase fotografia nenhuma e foi um dia bem bonito) e como sei que as pessoas que convidei não são muito dadas a selfies, carregar câmaras consigo, nem se lembram de registar estes momentos (foram-se habituando que eu registe!) pensei em criar algum brincadeira que incentivasse a isso. Das muitas coisas que já tinha visto pela internet, havia duas ideias que me atraiam mais. Mas excluí os "fundos" (apesar de ter visto coisas bem giras) porque exigem muito espaço só para ti, num espaço que será bastante pequeno. Tinha que fazer uma escolha prática. Tinha que ser algo que pudesse andar de mão em mão, pudesse ser "arrumado" facilmente e não intimidasse ninguém. Fiquei muito contente por ter encontrado esses óculos e gosto imenso das ideias das falas. Vou tirar a quarta de manhã para tratar deste pormenor (e outros) e depois mostro!

um bocadinho do feriado.

14.4.15



Fiz este pequeno vídeo no último feriado. Para aproveitar o sol, eu, o meu pai, o meu sobrinho mais velho & a minha irmã (e o Luís também no segundo dia) fomos ao rio. Dos três que fiz, este é o meu menos preferido! Acho que acabou por ser um bocadinho repetitivo em relação àquilo que já tinha experimentado nos vídeos anteriores. Mas ainda não desisti. Vou continuar a trazer pequenos vídeos para poder praticar e melhorar. 

15/52 weeks

13.4.15


Passado quinze semanas desde que decidi começar este projecto com auto-retratos semanais que cada vez mais gosto da ideia e dele. Gosto bastante de alguns dos resultados que tenho conseguido. Confesso que tem sido um desafio que se tem revelado mais simpático e cativante do que esperava. Nunca soube muito bem como estar à frente da câmara, mas com a ajuda de algumas pessoas (neste projecto o Luís tem sido essencial) as fotografias têm chegado e tem sido engraçado de ver. Durante a semana escolhemos um dia que esteja bonitinho e vamos passear pelas ruas para encontrarmos algo que me inspire ao auto-retrato. Esta semana eu já tinha ideia de umas árvores em tons rosa que tinha visto uns dias antes (numa das idas ao rio), mas infelizmente, quando nesta última sexta-feira chegámos lá, já não estavam nada parecidas com aquilo que me recordava, por isso tivemos que passear mais um pouco. Fomos tirar as fotografias num parque junto ao Liceu - onde andei no secundário. Sempre muito atento às minhas dicas, ao meus pedidos e cedendo para ser o meu tripé (ou como uma amiga minha disse: um acessório), o Luís começa a ter também alguns cliques mais dele (a fotografia principal desta semana foi um dos casos. Estávamos a experimentar enquadramentos e eu esperava o "pronto" dele, mas ele quis aproveitar o facto do gato estar a passar ao fundo. acho que resultou muito bem.). E sabem o que me lembra mesmo? A Manuela. Para quem acompanha este blog há mais tempo, deve lembrar-se do tempo em que eu & a Manuela andávamos (e muito) por todo o lado para tirarmos fotografias e quanto meu tripé ela foi e quanto foi aprendendo comigo - que, na realidade, estava a aprender também. Por isso, só posso é estar contente por ter tido sempre pessoas a meu lado que me acompanham e não acham que este meu gosto pela fotografia é sem sentido. Obrigada.

p.s.: esta semana deu para usar uns vestidos, este é um dos preferidos do Luís. 

Inspired by jody, mariana sabido e bleudbird.

diário

11.4.15

Uma  das coisas que eu mais faço nos meus trabalhos é seleccionar. Entre o que é muito muito bom, muito bom e só bom, o que fez com que eu fosse desenvolvendo algumas técnicas e criando cada vez menos uma relação pessoal com as coisas e tarefas que tenho que levar a cabo. O que eu sinto é que esta tarefa tem-se reflectido cada vez mais nas minhas escolhas pessoais, na minha vida pessoal, no que escolho ou não fazer, nas minhas fotografias pessoais, na escola e no dinheiro... Sinto-me uma pessoa cada vez mais selectiva e se - por exemplo - ao longo dos dias vou juntando uma série de fotografias para fazer uma publicação de "diário", quando chega ao dia de editar e publicar muita muita - muita - coisa fica de lado. Se escrevo um rascunho, não o publico porque já não sinto o à vontade para o fazer como antes. Sei também que fotografar tantos anos, publicar tantos anos... Haver imensa gente a fazer o mesmo me faz pensar "não será apenas mais do mesmo?". Por isso, é que nos últimos tempos - e muita gente o sabe -, pensei imensas vezes deixar de publicar neste espaço. E que muitas vezes comecei a pensar em partilhas alternativas (vocês sabem: manter apenas o meu portfólio organizado e o facebook - pois parece que toda a gente anda por lá e menos gente por cá). Mas depois... penso em tudo o que este blog já fez por mim, as pessoas que já conheci, os trabalhos que fui arranjando... o tempo e o quanto me dediquei a este espaço e o quanto dele sou eu... E continuo por aqui, mais coisa menos coisa... Mas, confesso, sempre de olhos noutras soluções.

Emigração - Arte Colaborativa

9.4.15

Este evento foi criado para, mais uma vez, vos pedir a vossa ajuda para um projeto escolar. Este é realizado no âmbito da unidade curricular Arte Digital e usando a técnica de mosaico artístico (photomosaic digital) e a participação de terceiros (crowdsourcing art/arte colaborativa) a ideia é pedir a vossa participação na criação da minha base de imagens (olhem só a responsabilidade!).

Preciso da ajuda do máximo de pessoas, pois quantas mais fotografias conseguir reunir (e falamos de um número bem elevado) melhor será o resultado final.

Falando de questões práticas: o tema que eu escolhi tem sido bastante falado nos últimos tempos, a emigração.

E o que eu procuro é:
1. Fotografias (as famosas selfies) de emigrantes – vocês ou amigos – nos locais para onde foram morar.
2. Fotografias da rotina nova (ruas, cidades, monumentos), tiradas por vocês ou por amigos. (vá, vasculhem pelo vosso instagram!)
3. Fotografias (“print screen”) de conversas por Skype (e aplicações do género) com os familiares ou amigos.

Até dia 20 de Abril conto com a vossa participação (sem vocês o projeto não poderá avançar) e para isso basta deixarem as fotografias em comentários, por mensagem privada ou até por e-mail: martafilipadc@gmail.com

Assim, todos juntos, podemos criar uma imagem que vai mais uma vez dar cara aos números e estatísticas de portugueses que emigram à procura de uma vida melhor.

Obrigada! 
p.s: Sintam-se na liberdade de convidar os vossos amigos que acham que gostariam de participar!

estou a precisar de ler mais romances, que tanta realidade, faz mal à imaginação.

8.4.15


14/52 weeks

6.4.15


Inspired by jody, mariana sabido e bleudbird.
Copyright © marta beijinhos
Design by Fearne